Uma é boa duas é melhor!

 

Ate que fins resolveram dar uma melhora na estação rodoviária de salvador, que já se encontrava em estado de validade de reformas e serviços. As mudanças parecem bem inteligentes e viáveis aos usuários do estabelecimento.

Duda da Bahia

______________________________________

Capital terá novo terminal rodoviário

17/05/2008 – 7h29m

*Da redação, com informações do Correio da Bahia

O ponto de ônibus da Brasilgás, na BR-324, está com os dias contados. De acordo com o diretor executivo da Agência Estadual de Regulação de Serviços Públicos de Energia, Transportes e Comunicações da Bahia (Agerba), Antonio Lomanto Netto, uma pequena rodoviária deverá ser instalada na região, onde inúmeros acidentes acontecem.

“Não há mais condições daquele trecho ficar assim, ele está segmentado”, afirma. O projeto, que deverá ficar pronto em junho, está sendo elaborado em conjunto com a Secretaria do Planejamento, Urbanismo e Meio Ambiente de Salvador (Seplam) e a Sinart – concessionária da rodoviária da capital baiana.

O dirigente explica que o novo terminal englobará os transportes intermunicipais, metropolitanos e urbanos. Já o local exato da nova rodoviária, ele diz que há duas opções: na “alça” onde vai para o bairro de Porto Seco Pirajá ou em frente ao próprio posto de gasolina.

“Espero estar com este projeto concluído no próximo mês para apresentar à Secretaria do Planejamento estadual”, confessa Netto. Sem revelar maiores detalhes, tampouco o investimento estimado, ele informou que a proposta será submetida também ao Departamento Nacional de Infra-Estrutura de Transportes (DNIT), uma vez que a região está nas faixas de domínio – área de alguns metros em torno da pista onde não se pode construir.

Para o secretário municipal da Secretaria de Transporte e Infra-Estrutura (Setim), Almir Melo, a nova rodoviária, além de sanar uma série de problemas, como acidentes e transportes clandestinos, vai ajudar a desafogar o Terminal Rodoviário de Salvador (TRS).

 “Se não houver nenhuma interferência nas partes legais, eu sou favorável sim. E, se depender da Setin, vamos fazer o que for possível para viabilizar a idéia”, garante ele, acrescentando: “ Vale ressaltar que este projeto não depende exclusivamente do município”. Já o presidente da Sinart, Henrique Pedreira, preferiu não se posicionar sobre a iniciativa, e destacou apenas que o ponto da Brasilgás não pode ficar como está, sem infra-estrutura para a população.

Sinart – Enquanto o projeto da pequena nova rodoviária não sai do papel, a concessionária Sinart continua o processo de modernização da rodoviária de Salvador, inaugurada em setembro de 1974. O projeto, que começou a ser executado há pouco mais de um ano, está orçado em R$6 milhões. Inclui nova programação visual, novas lojas, mudanças na praça de alimentação, implantação de painel eletrônico, informatização nos estacionamentos e no saguão de espera e controle de entrada e saída de ônibus. Os serviços visam garantir um atendimento com mais agilidade e qualidade aos mais de 900 mil usuários que circulam mensalmente pelo terminal.

Segundo o presidente da Sinart, Henrique Pedreira, o processo de modernização já está praticamente concluído, faltando apenas a restruturação da praça de alimentação, que custará R$1 milhão e deverá ser inaugurada até o final de julho.

“A área onde ficava o restaurante Palheta vai abrigar uma lanchonete McDonald’s, um restaurante a quilo chamado Salada Grill, outro que servirá comida italiana e pizza, denominado de Pipa, e um especializado em comida árabe, o Abdul”, revela. Além disso, a rodoviária vai ganhar três cafeterias, dois quiosques de sorvete da McDonald’s, uma lanchonete dentro da área de embarque e uma baiana de acarajé.

Pedreira anuncia também a instalação de um elevador para portadores de deficiência, complementando o outro equipamento existente, que hoje ajuda idosos e pessoas com dificuldade de locomoção a se dirigirem aos guichês comerciais das empresas de transporte, localizados no segundo andar. Ligando a estação de transbordo ao TRS, esse novo elevador integrará uma série de obras no campo da acessibilidade. “Além disso, vamos colocar rampas de adaptação de acesso para deficientes. Teremos também, uma pista tátil de borracha, a ser implantada nos principais setores da estação, inclusive na praça de alimentação”, declara ele.

Outra novidade é a inauguração de um sistema de informação ao usuário (SISG), que irá permitir ao público acompanhar, em tempo real, os horários de chegada e partida dos ônibus, como já acontece nos aeroportos. O sistema, cuja instalação será concluída no final deste mês, é composto por dez painéis informativos em LCD, com 42 polegadas cada um. A empresa está estudando também a realização, às sextas-feiras, de apresentações musicais de voz e violão em plena praça de alimentação.

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s